Prova Simulada de Primeiros Socorros (em edição)

 1. Ao observar uma pessoa tendo convulsões, deve-se: 

a)Não interferir porque isto passa espontaneamente. 

b)Abrir a boca da vítima e colocar um pano entre os dentes para evitar que ela morda a língua. 

c)Pedir ajuda de outras pessoas e tentar imobilizá-la segurando-a firmemente. 

d)Proteger a cabeça da pessoa contra traumas e virá-la de lado em caso de vômitos. (X)

e)Abrir as vestes para melhorar a respiração, sacudindo-a para tirá-la do transe. 


Resposta: D

Explicação: O que fazer:

Mantenha-se calmo e acalme as pessoas ao seu redor;

Evite que a pessoa caia bruscamente ao chão;

Acomode o indivíduo em local sem objetos dos quais ela pode se debater e se machucar;

Utilize material macio para acomodar a cabeça do individuo, como por exemplo; um travesseiro, casaco dobrado ou outro material disponível que seja macio;

Posicione o indivíduo de lado de forma que o excesso de saliva ou vômito (pode ocorrer em alguns casos) escorram para fora da boca;

Afrouxe um pouco as roupas para que a pessoa respire melhor;

Permaneça ao lado da vítima até que ela recupere a consciência;

Ao término da convulsão a pessoa poderá se sentir cansada e confusa, explique o que ocorreu e ofereça auxílio para chamar um familiar.Observe a duração da crise convulsiva, caso seja superior a 5 minutos sem sinais de melhora, peça ajuda médica

2. Se a vítima está inconsciente, muito pálida, as extremidades arroxeadas e sem pulsação, é sinal de que sofreu: 

a)Um traumatismo craniano. 

b)Ferimentos no tórax. 

c)Envenenamento ou intoxicação. 

d)Parada cardíaca. (X)

e)Hemorragia interna. 

A alternativa correta é a letra D.

Dentre os sinais evidenciados por pessoas com parada cardíaca, pode-se citar:

  • inconsciência ;
  • ausência de batimentos cardíacos ;
  • parada respiratória ;
  • extremidades arroxeadas ;
  • palidez intensa ;
  • dilatação das pupilas.

Logo, ao detectar esse caso deve-se buscar uma ajuda médica especializada a fim de preservar a vida da pessoa, com isso, deve-se solicitar uma ambulância de imediato.

Bons estudos!

3. Uma pessoa foi atropelada e está caída no meio da rua. O quê fazer em primeiro lugar? 

a)Remover a pessoa para a calçada. 

b)Correr atrás do carro que atropelou. 

c)Tentar chamar um parente da vítima. 

d)Sinalizar o local do acidente. (x)

e)Verificar se a vítima sofreu fraturas. 

A resposta correta é a letra D, que aponta que ao se deparar com uma pessoa atropelada no meio da rua deve se fazer uma boa sinalização do local do acidente, isso é muito importante para não se ter novos acidentes.

Ao se deparar com um acidente não se pode mover o corpo do acidentado pois pode haver uma fratura e ao mover individuo agravar sua condição, assim quando se deparar de sinalizar área e chamar a ambulância.


4. Assinale os números de telefone que correspondem ao SAMU, BOMBEIROS, POLÍCIA MILITAR, POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL E POLÍCIA RODOVIÁRIA ESTADUAL: 

a)193-198-190-191-192. 

b)198-191-193-190-192. 

c)192-193-190-191-198. (x)

d)192-198-190-193-192. 

e)192-193-190-198-191. 


5. Qual a ordem correta das ações quando avistamos um acidente? 

a)1º resgatar as vítimas, 2º isolar e sinalizar a área, 3º avaliar o estado das vítimas, 4º chamar o resgate. 

b)1º isolar e sinalizar a área, 2º chamar o resgate,3º avaliar o estado. das vítimas. 

c)1º isolar e sinalizar o local, 2º avaliar o estado das vítimas, 3º chamar o resgate. (X)

d)1º chamar o resgate, 2º avaliar o estado das vítimas, 3º remover as vítimas para o acostamento, 4º isolar e sinalizar o local. 

e)1º avaliar a situação, 2º socorrer os feridos, 3º chamar o resgate, 4º remover as vítimas para o acostamento. 


Resposta: 


1º Isolar e sinalizar o local, 2º avaliar o estado da vítima, 3º chamar o resgate.

6. Em caso de acidentes com vítimas, qual o melhor local para estacionar o veículo e prestar auxílio? 

a)Ao lado da vítima. 

b)Um pouco mais a frente do local do acidente. 

c)O importante é ser rápido, não importando o local. 

d)Atravessar o veículo na pista, impedindo o tráfego. 

e)Antes do local onde está a vítima, evitando causar outro acidente. 

A alternativa correta é a letra E). 

Esse tipo de decisão de onde estacionar quando houver um acidente é bastante importante pois assim temos um trânsito mais consciente. No caso de acidente, é bastante importante evitar um outro possível acidente, por isso, o local de estacionar o carro é tão importante.

 Assim, o estudo do homem inserido no trânsito é tão importante pois assim podemos compreender de fato a importância de saber como lidar até mesmo em situações extremas como a de um acidente.

7. Na ocorrência de um acidente, a primeira medida a ser tomada com relação à vítima é: 

a)Desobstrução das vias aéreas (balas, dentaduras). 

b)Verificar as condições da via para removê-la imediatamente para o hospital. 

c)Verificar a ocorrência de hemorragia interna e externa. 

d)Verificar a ocorrência de fraturas abertas e fechadas. 

e)Verificar se a sua pulsação está normal. (x)


Verificar se a pulsação está normal.


8. O que deve-se fazer na avaliação primária de uma vítima de acidente de trânsito: 

a)A - Verificação de vias aéreas, B-Respiração da vítima, C-Circulação e batimentos cardíacos, D- Nível de consciência da vítima, E - Proteção da vítima. (x)

b)A - Respiração da vítima, B-Verificação de vias aéreas, C-Circulação e batimentos cardíacos, D- Nível de consciência da vítima, E - Proteção da vítima. 

c) A - Respiração da vítima, B- Circulação e batimentos cardíacos, C-Verificação de vias aéreas, D- Nível de consciência da vítima, E - Proteção da vítima. 

d)A - Verificação de vias aéreas, B- Circulação e batimentos cardíacos, CProteção da vítima, D- Nível de consciência da vítima, E - Respiração da vítima. 

e)Nenhuma das anteriores. 


O que é o ABCDE do Trauma ?

A sistematização do ABCDE do trauma foi adotado pelo COMITÊ DE TRAUMA do Colégio Americano de Cirurgiões, dentro do conteúdo do ATLS (Advanced Trauma Life Support). Seu objetivo é proporcionar um atendimento rápido e eficaz, ao paciente vítima de trauma, no caso de um acidente, por exemplo.

Com isso, é possível identificar, mais rapidamente, alterações nos parâmetros fisiológicos que possam indicar risco de morte do paciente (obstrução de vias aéreas, pneumotórax, choque hipovolêmico, entre outros).

Veja abaixo o acrônimo formado pelas expressões em inglês.

 

A (Airway) — Vias aéreas

Avalia-se a via aérea ( se está pérvia), solicitando, quando possível, que o paciente fale ( diga o seu nome, por exemplo). A obstrução da via aérea no trauma pode se dar por corpos estranhos, sangue, fragmentos ósseos, restos alimentares, lesões de laringe e traquéia. A obstrução pode ser vista em outras situações como desabamento da base da língua em pacientes com TCE graves, queimaduras, etc. A manutenção da via área pérvia ou protegida, deve ser acompanhada da proteção da coluna cervical.

B(Beathing) — Respiração e ventilação

Após garantir uma boa via aérea, examina-se o tórax (ventilação e respiração) em busca de sinais de pneumotórax hipertensivo, hemotórax maciço, tórax instável, pnemotórax aberto ou tamponamento cardíaco. Uma vez identificados os problemas, deve-se realizar, simultaneamente, o tratamento específico de cada lesão.

C (Circulation) — Circulação e controle de hemorragia

Nessa fase, os profissionais responsáveis devem providenciar a estabilização hemodinâmica do paciente: avaliar nível de consciência uma vez que alterações no trauma podem causar má perfusão do SNC; avaliar PA, pulso, temperatura da pele, enchimento capilar e presença de sangramentos evidentes e ocultos. Neste momento, o FAST e os Raios X de tórax e pelve podem ajudar.

D (Disability) — Incapacidade (escala de coma de Glasgow e resposta pupilar)

Os médicos devem avaliar o estado neurológico do paciente politraumatizado utilizando a escala de coma de Glasgow e a resposta pupilar.

E (Exposure) — Exposição e controle de ambiente (temperatura)

Deve-se verificar a presença de lesões externas (fraturas expostas ou não, lesão de pele, hematomas/equimoses, etc) e manutenção da temperatura do paciente, evitando a hipotermia.

Por meio da verificação hierárquica desses pontos, é possível realizar os procedimentos adequados e garantir que o paciente receba o melhor tratamento possível no que se refere a trauma.

Como funciona?

Consiste em padronizar o sistema através da sequência de atendimento ABCDE, através da avaliação inicial ou primária e da avaliação secundária, após a estabilização da vítima.

A avaliação inicial ou primária visa a identificação das lesões e estabilização simultânea do paciente vítima de trauma. Já a avaliação secundária é feita após essa estabilização, através de exame físico céfalo-caudal.

Por isso a importância de seguir o protocolo na ordem apresentada (ABCDE), pois representa a prioridade que deve ser seguida para manter vida e estabilidade do paciente.

Quais são suas vantagens?

Uma das principais vantagens de seguir o protocolo ABCDE do trauma é tratar primeiro sempre a maior ameaça a vida e ter certeza de que todos os passos foram seguidos no atendimento ao traumatizado. A mudança deles (por exemplo, priorizar a circulação antes das vias aéreas), pode acarretar péssimas consequências para a pessoa que está em situação crítica.

Como é o método ABCDE do trauma no Brasil?

O método chegou no Brasil apenas em 1989, ou seja, relativamente há pouco tempo. Segundo a Sociedade Brasileira de Atendimento Integral ao Traumatizado (SBAIT), o trauma é uma das principais causas de morte no país.

Segundo o mesmo instituto, os prejuízos com atendimento a acidentes podem alcançar R$ 9 bilhões anuais, incluindo nesse rol os valores gastos com tratamento pré-hospitalar, reabilitação e despesas diretas e indiretas.

A situação é tão crítica que a SBAIT criou o Projeto Trauma 2025, com o fim de reduzir as consequências dos traumas, principalmente com acidentes de trânsito, e de discutir soluções médicas, políticas e sociais sobre o atendimento às vítimas.

9. Desobstruir as vias aéreas (nariz, boca e garganta) de uma vítima é essencial por quê: 

a)A vítima pode engolir o vomito podendo causar obstrução. 

b)Permite a passagem do ar em caso de respiração artificial. (x)

c) Evita que a vítima entre em estado de choque. 

d) Facilita a circulação periférica. 

e)A vítima pode engolir a língua. 



Como método básico de primeiros-socorros, é esencial que o socorrista avalie a condição das vias áreas, para que a vítima seja capaz de respirar, impedindo que fique asfixiada.

Portanto, é essencial que a primeira etapa do socorro seja impedir que a língua ou qualquer outro musculo possivelmente bloqueador seja capaz de impedir a respiração, para que as próximas etapas de socorro possam ser implementadas.

10. Ausência de movimentos no peito; lábios, língua e unhas azulados; e inconsciência são sintomas de que a vítima: 

a)Parou de respirar. (x)

b)Está em estado de choque. 

c)Sofreu queimaduras de terceiro grau. 

d)Desmaiou. 

e)Está com hemorragia interna. 


11.Vítima apresenta fratura exposta (o osso quebrado está para fora). O que fazer: 

a)Garrotear o membro fazendo um torniquete. 

b)Empurrar aquele osso para dentro. 

c)Puxar o membro para que o osso volte para seu lugar. 

d)Observar se a vítima está respirando, imobilizar o membro e acalmar a vítima. (x)

e)Ir jogando água gelada até chegar o resgate. 


12. Vítima de acidente pede água para beber. O que fazer: 

a)Mantê-la em jejum. (x)

b)Dar bastante líquido para hidratar a vítima. 

c)Não forçar, deixar tomar apenas o que quiser. 

d)Dar um copo, no máximo. 

e)Dar leite ou líquidos adocicados, de preferência. 

13. Os procedimentos adequados para o caso de vítima de acidente de trânsito com membro amputado são: 

a)Aplicar gaze ou pano limpo no ferimento, envolver o membro amputado em plástico limpo e mantê-lo em água quente para facilitar a circulação, até que a vítima receba atendimento especializado. 

b)Aplicar gaze ou pano limpo no ferimento e no membro amputado, até que a vítima receba atendimento especializado. 

c)Aplicar gaze ou pano limpo no ferimento, envolver o membro amputado em plástico limpo e mantê-lo no gelo ou água gelada, (porém não em contato direto) até que a vítima receba atendimento especializado. (X)

d)Aplicar gaze ou pano limpo no ferimento e manter o membro amputado diretamente em contato com o gelo para facilitar a conservação, até que a vítima receba atendimento especializado. 

e)Aplicar gaze ou pano limpo no ferimento e no membro amputado, sempre mantendo-os resfriados em contato direto com gelo ou água gelada para melhor conservação, até que a vítima receba atendimento especializado. 

14. É incorreto afirmar que, na ocorrência de um acidente os traumas são originados devido a: 

a)Colisão dos ocupantes do veículo com o próprio veículo. 

b)Colisão dos órgãos internos do corpo contra a estrutura óssea, ocorrendo o desprendimento de suas cavidades. 

c)Projeção dos ocupantes para fora do veículo. 

d)Uso do cinto de segurança para todos os ocupantes do veículo. (X)

e)Objetos pesados e soltos junto com os passageiros. 

15. Em um acidente observamos que o ferimento de uma vítima esguicha sangue no mesmo ritmo de sua pulsação. Conclui-se que ocorreu o rompimento de: 

a)Uma artéria. (X)

b)Uma veia. 

c)Um nervo. 

d)Um tendão. 

e)Um músculo. 

16. Um motorista socorre uma pessoa com hemorragia no ombro, vítima de assalto em via urbana. Para tentar estancar a hemorragia deve-se: I – Colocar uma toalha limpa e dobrada, fazendo compressão no local do ferimento; II – Realizar o atendimento usando luvas de proteção; III – Fazer um curativo improvisado, após tentar retirar o projétil; As condutas consideradas corretas estão: 

a)II, apenas. 

b)I, apenas. 

c)I e II, apenas. (X)

d)I, II e III. 

e)I e III, apenas. 

17. Hemorragias internas ocorrem em conseqüência de ferimentos ou traumatismos profundos, e levam rapidamente ao estado de choque. O que não se deve fazer nesse caso? 

a)Colocar uma bolsa de gelo ou compressas frias no local do trauma. 

b)Deitar a vítima de forma que a cabeça fique mais elevada que o restante do corpo. (X) 

c)Manter os sinais vitais. 

d)Não deixar que a vítima tome líquidos. 

e)A vítima deve receber atendimento médico o mais rápido possível. 

18. Sabe-se que a perda de sangue em abundância, agrava a situação de uma vítima. Em caso de não conseguir estancar a hemorragia, esta vítima poderá sofrer: 

a)Convulsão. 

b)Parada respiratória. 

c)Parada cardiorrespiratória. 

d)Estado de choque. 

e)Somente um desmaio temporário. (X)

19. Ao transportar uma vítima com fratura exposta, deve-se em primeiro lugar: 

a)Enfaixar a região machucada para evitar contaminação. 

b)Não mexer na fratura. 

c)Segurar o membro quebrado enquanto os outros levantam a vítima. 

d)Prevenir a vítima que ela sentirá dor, e depois puxar o membro machucado. 

e)Procurar algo rígido, enfaixando junto ao membro machucado para imobilizá-lo. (X)

20.Uma pessoa bateu a cabeça, perdeu a consciência e depois acordou e diz que está bem. O que fazer: 

a)Neste caso, não há necessidade de ir ao hospital. 

b)Recomendar que a pessoa fique acordada durante 24 horas. 

c)Sempre levar a pessoa ao hospital. (X)

d)Levar ao hospital somente se tiver que fazer curativo. 

e)Apenas fazer compressas com gelo no local da batida. 

21. Existem duas classificações para as fraturas, quais são: 

a)Aberta e semi-aberta. 

b)Aberta e exposta. 

c)Exposta e anatômica. 

d)Exposta e fechada. (X)

e)Nenhuma das alternativas. 

22. Em casos de vítimas com queimaduras, deve-se: 

a)Passar sabão. 

b)Estourar as bolhas, quando existirem. 

c)Passar pasta de dente. 

d)Fazer um curativo bem fechado. 

e)Nenhuma das alternativas. (X)

23. Assinale a alternativa incorreta sobre queimaduras: 

a)1ºgrau é a mais superficial. 

b)2ºgrau apresenta bolhas. 

c)3ºgrau atinge todas as camadas da pele. 

d)Podem ser causadas por fogo, vapor, radiação, líquidos e sólidos quentes, ácidos, soda e até mesmo pelo frio. 

e)Passar clara de ovo, café, pomadas e loções é recomendado. (X)

24.Qual a distância adequada para sinalizar um acidente, ocorrendo esse em uma rodovia com velocidade 100 km/h com pista única e no período noturno: 

a)A 200 passos do acidente e nos dois sentidos. (X)

b)A 200 passos do acidente e somente em um sentido. 

c)A 100 passos do acidente e nos dois sentidos. 

d)A 100 passos do acidente e somente em um sentido. 

e)A 150 passos do acidente e nos dois sentidos. 

25.São informações que você deve passar ao acionar o socorro profissional: 

a)Se você contribuiu ou não para o acidente. 

b)O estado detalhado da situação de cada vítima do acidente. 

c)Tipo de acidente, número aproximado de vítimas, gravidade aparente, existência de pessoas presas em ferragens, vazamento de produtos perigosos e endereço do acidente. (X)

d)Todas opções estão erradas. 

e)Todas opções estão certas. 

26.É uma medida não indicada para prevenir o estado de choque: 

a)Aqueça a vítima sem abá-la. 

b)Tente controlar a causa do estado de choque. 

c)Não ofereça líquido ou qualquer tipo de alimento. 

d)Ofereça líquido ou alimento a vítima. (X)

e)Nenhuma das anteriores. 

27.Não devemos fazer em um acidente: 

a)Não tentar voltar membros deformados e fraturados para o formato normal. 

b)Não retirar os corpos estranhos dos ferimentos. 

c)Não aplicar torniquetes. 

d)Retirar o capacete das vítimas de acidente com motocicletas. (X)

e)Nenhuma das opções. 

28.Um acidentado apresenta um pedaço de vidro encravado no olho, o que fazer no local, antes de remover a vítima: 

a)Retirar o vidro com os dedos. 

b)Retirar o vidro com uma pinça. 

c)Pingar colírio anestésico/desinfetante. 

d)Cobrir os dois olhos da vítima, tanto o machucado como ou outro. (x)

e)Lavar com água gelada. 


Cabe destacar que não é recomendado realizar nenhum procedimento de retirada do vidro sem a ajuda de um médico em um hospital, ou local apropriado.

Não se deve tocar nos olhos com as mãos sujas ou tentar retirar o pedaço de vidro. O curativo é importante para quando existe algum tipo de lesão, mas este deve ser realizado por um médico, como uma bandagem no olho afetado.


29.Sabe-se que o primeiro trauma é aquele que ocorre no acidente que o segundo trauma é aquele que ocorrer quando não socorremos com cuidado. É INCORRETO afirmar que: 

a)O cinto de segurança e o capacete evitam que o primeiro trauma seja mais grave. 

b)O uso de colar cervical ajuda a evitar o segundo trauma. 

c)Quando desacordada, a vítima pode sufocar-se com a própria língua. 

d)Deve-se sempre evitar gesto brusco no atendimento da vítima. 

e)Deve-se sempre colocar a vítima sentada.(X)


e) deve-se sempre colocar a vitima sentada

Em hipótese alguma se coloca uma vítima que acaba de sofrer um trauma sentada. Deve-se preservar sua coloca deixando-a deitado e imobilizando com todo cuidando.

30.O “estado de choque” ou “a vítima está chocada” ou “entrou em choque” querem dizer que: 

a)Certamente há alguns ossos quebrados. 

b)A vítima está sentido muita dor. 

c)A vítima está emocionalmente abalada, quase desmaiado. 

d)A vítima chocou-se contra objetos. 

e)A oxigenação do organismo está deficiente. (x)


e) A oxigenação do organismo está deficiente.

O estado de choque é caracterizado pela oxigenação insuficiente dos órgãos vitais, isso ocorre devido a uma 'insuficiência circulatória aguda'. São diversas as causas:

  • trauma
  • perfuração de órgãos
  • emoções
  • frio ou calor extremo
  • cirurgias
  • etc.

Sintomas do estado de choque:

  • pele pálida, pegajosa e fria
  • pulso fraco
  • respiração superficial e lenta
  • pressão arterial baixa
  • tonturas
  • fraqueza
  • olhos sem brilho, olhar fixo
  • pupilas dilatadas.

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

Conta Kids do Banco Inter vale a pena? Veja a análise completa