⚡ūüö®Preso suspeito de matar homem dentro de arraial na Vila Itamar, em S√£o Lu√≠s MA ūüßĎ‍✈️ūüöĒ


⚡ūüö®Preso suspeito de matar homem dentro de arraial na Vila Itamar, em S√£o Lu√≠s MA ūüßĎ‍✈️ūüöĒ


19/07/2022

Nessa segunda-feira (18/07), um homem de 41 anos foi preso, suspeito de praticar um homic√≠dio dentro de um arraial na Vila Itamar, em S√£o Lu√≠s. O crime aconteceu no dia 3 de julho deste ano, no Arraial Verd√£o Nordestino, e teve como v√≠tima Elenilson Silva Castro, conhecido por ‘Cheiros’.

O suspeito foi detido pela Polícia Civil do Maranhão, em cumprimento a um mandado de prisão temporária. Além disso, a polícia também cumpriu mandados de busca e apreensão em endereços na Vila Itamar.

Segundo informa√ß√Ķes policiais, no decorreu da investiga√ß√£o do homic√≠dio, foi apurado que o autor e v√≠tima j√° tinham problemas pessoais. A v√≠tima era suspeita de ter roubado bens do local de trabalho do suspeito. Depois do suposto crime, Elenilson Silva passou tr√™s meses no interior do Estado, retornando para S√£o Lu√≠s no in√≠cio do m√™s de julho deste ano.

Na ocasião, o suspeito encontrou a vítima em um arraial, próximo a um banheiro improvisado ao lado da praça. No local, os homens entraram em luta corporal, e a vítima acabou sendo alvejada com um tiro no peito.

Após o crime, o suspeito fugiu para uma pousada em São Luís e depois foi para dois municípios da região central do Estado. O homem acabou sendo preso nessa segunda, na capital maranhense, quando decidiu se entregar para a polícia.

Depois da prisão do suspeito, buscas foram cumpridas no endereço e no local de trabalho do dele, situados no Recanto Verde, locais próximos ao homicídio.


A prisão e as buscas foram decretadas pela Central de Inquéritos da Capital, após representação feita pelo Departamento de Homicídios. Durante o depoimento, o preso confessou a autoria do homicídio, mas alegou defender-se de injusta agressão praticada pela vítima.

Após o cumprimento das formalidades legais, o preso foi encaminhado ao sistema penitenciário, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Postar um coment√°rio

0 Coment√°rios

Postagem em destaque

Parte 3 - Ocorr√™ncia envolvendo operadores de Seguran√ßa P√ļblica