Argentina: vence extremista que conversa ...

Javier Geraldo Milei, 52 anos, é economista de extrema direita e formado pela Universidade de Belgrano com dois mestrados na área, ele atuou em consultorias, bancos e grupos de políticas econômicas. Ele se declara "anarcocapitalista" e quer dolarizar a economia.

Novato na política, o candidato quer abandonar o desvalorizado peso argentino, diz que vai "dinamitar" o Banco Central e defende a privatização dos sistemas de saúde e educação e a redução da máquina pública. Mesmo com pouca experiência na política, Javier venceu as eleições primárias realizadas ontem na Argentina com o discurso de que os políticos devem ser "chutados na bunda".

Veja mais em dol.com.br

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

FORÇA BRUTA NA MARVEL