⚽Torneio dos Campeões da CBD de 1969 ⚽

 


Torneio dos Campeões da CBD de 1969


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Torneio dos Campeões da CBD)
 Nota: Não confundir com Torneio dos Campeões de 1920 (outro torneio da CBD, mas entre campeões estaduais.).

Torneio dos Campeões da CBD foi um torneio de futebol realizado em 1969, pela Confederação Brasileira de Desportos, que definiria uma vaga brasileira na Taça Libertadores da América de 1970.[1][2][3][4] Vencido pelo Grêmio Maringá, o time não jogou a competição sul-americana, que não teve representantes brasileiros em 1970.[5]

História

Na temporada de 1968, o Grêmio Esportivo Maringá e o Sport Recife venceram, respectivamente, o Torneio Centro-Sul e o Torneio Norte-Nordeste, e assim se qualificaram para o Torneio dos Campeões da CBD em 1969.[2] Vale ressaltar que o Torneio Centro-Sul e o Torneio Norte-Nordeste não contavam com clubes que disputavam os campeonatos brasileiros de 1968 (Taça Brasil e Robertão), o que configurava esses torneios regionais como espécies de 2ª divisão nacional daquela temporada.[6][5]

Na primeira fase do Torneio dos Campeões da CBD, o Grêmio Maringá enfrentou o Sport Recife, vencendo o clube pernambucano duas vezes pelo placar de 3 a 0. Conforme o Jornal do Commercio de Manaus (6 de agosto de 1969), os confrontos contra a equipe do Recife valeram o "Torneio Centro-Sul x Norte-Nordeste" de 1968.[7] No decorrer da competição, que valeria uma vaga na Taça Libertadores da América de 1970, o clube paranaense ainda empatou duas vezes com o Santos [campeão do Campeonato Brasileiro (TRGP) de 1968], mas a equipe paulista acabou desistindo do jogo desempate, em razão de amistosos internacionais já programados.[8] O Botafogo, que seria o outro finalista [como campeão do Campeonato Brasileiro (TB) de 1968], acabou também desistindo.[9] Assim, o Grêmio Maringá foi homologado campeão, mas não disputou a Libertadores de 1970, a que originalmente teria direito, uma vez que a CBD já havia decidido por não enviar qualquer representante, muito em razão da preparação para a Copa do Mundo de 1970.[10][11][6][5][12][13]

Por ter sido paralelo ao Robertão (apelido do Torneio Roberto Gomes Pedrosa) do mesmo ano, matéria da Placar de agosto de 1980, por Isnard Cordeiro, chama o torneio entre campeões de Robertinho, também afirmando que o Maringá conquistou na ocasião um "título inédito" para o futebol paranaense, o de "campeão brasileiro".[14] Uma vez que a Taça Brasil foi extinta em 1968, foi o outro campeonato nacional de 1969.

Em 2010, após a unificação da Taça Brasil e Robertão como edições do Brasileirão, chegou a ser cogitada a busca pelo mesmo reconhecimento ao título do Galo do Norte.[1][4] O autor do dossiê unificador, o historiador Odir Cunha (2010), comentou que "não dá para [o Maringá] ser considerado o campeão brasileiro de 1969" e que a competição "não tinha um nível superior" às duas homologadas.[15]

Participantes

Disputa

Play-Off

1º jogoParaná Grêmio Maringá3 - 0Pernambuco Sport


2º jogoPernambuco Sport0 - 3Paraná Grêmio Maringá


    Final[16]

    10 de maio de 1969Paraná Grêmio Maringá1 - 1São Paulo SantosEstádio Regional Willie Davids

    Gol marcado OswaldoGol marcado Djalma DuarteRenda: NCr$ 54.380,00
    Árbitro: José Aldo Pereira

    4 de abril de 1970São Paulo Santos2 - 2Paraná Grêmio MaringáEstádio Regional Willie Davids

    Gol marcado Picolé
    Gol marcado Manoel Maria
    Gol marcado Peter
    Gol marcado Rodrigues
    Renda: NCr$ 37.568,00
    Árbitro: Braúlio Zanoto

    3º jogoParaná Grêmio Maringá1 (W-O) 0São Paulo Santos [1]

    • O Santos desistiu de jogar.[8] Computou-se 1-0 para o Grêmio Maringá.
    • Botafogo desistiu da competição alegando falta de datas e da CBD ter decidido não mandar representantes a Copa Libertadores da América. O jogo entre Grêmio Maringá e Santos, que seria pela semifinal, foi considerado pela CBD como a final, sendo o Grêmio Maringá campeão e o Santos vice. O Sport foi o terceiro colocado e o Botafogo não participou.[9]

    Campeão

    Campeão do Torneio dos Campeões da CBD
    Grêmio Maringá
    (1° Título)

    Ver também

    Referências

    1.  
      Ir para:
      a b Garcia, Diego. «Odir Cunha desaprova unificação de título do Maringá: "é forçar a barra"»Terra. Consultado em 22 de fevereiro de 2021
    2.  
      Ir para:
      a b Nunes, André Luiz Pereira (6 de outubro de 2020). «Grêmio Maringá e o ocaso de um título esquecido»Diário do Rio. Consultado em 29 de janeiro de 2022
    3.  Zirpoli, Cassio (15 de dezembro de 2010). «Vespeiro de Série A – Blog de Esportes»blogs.diariodepernambuco.com.br. Consultado em 29 de janeiro de 2022
    4.  
      Ir para:
    5.  
      Ir para:
      a b c Freire, Diego (24 de junho de 2016). «Ei, CBF, pague a Libertadores do Grêmio Maringá!»Última Divisão. Consultado em 14 de agosto de 2022
    6.  
      Ir para:
      a b «Os torneios de antigamente - Blog João Nassif»4oito. Consultado em 14 de agosto de 2022
    7.  «Adversário do Naça no Maracanã é conhecido como "Galo do Norte"»Jornal do Commercio. Manaus, AM. 6 de agosto de 1969. Consultado em 5 de novembro de 2022
    8.  
      Ir para:
      a b Moreira, Jorge Fernando Albuquerque D’Amaral. As Excursões Futebolísticas segundo a Revista Placar 1970-1971: primeiras reflexões. Vozes, Pretérito & Devir, v. 5, n. I, 2016. Disponível em: http://revistavozes.uespi.br/ojs/index.php/revistavozes/article/view/110
    9.  
      Ir para:
      a b Pereira, Edilson (13 de outubro de 2014). «Grêmio Maringá foi campeão nacional com um WO | Arquivo Tribuna, Lendas Vivas»Tribuna do Paraná. Consultado em 28 de agosto de 2023
    10.  Gabriel Santana (22 de junho de 2014). «Torneio dos Campeões da CBD de 1969». Acervo do Santos FC. Consultado em 5 de novembro de 2022
    11.  Grêmio Maringá vai entrar na Justiça para ter reconhecido título brasileiro Gazeta do Povo - acessado em 23 de dezembro de 2010
    12.  Ayres, Marcus. «Maringá exige da CBF título nacional de 69»Gazeta do Povo. Consultado em 14 de agosto de 2022
    13.  Torraga, Tales (26 de fevereiro de 2018). «Obsessão? Brasil já virou as costas e deixou de disputar a Libertadores»UOL Esporte. Consultado em 28 de agosto de 2023
    14.  Cordeiro, Isnard (1 de agosto de 1980). O Norte Comanda o Espetáculo. [S.l.]: Revista Placar, Editora Abril. p. 81
    15.  Baltar, Marcelo (24 de dezembro de 2010). «Unificação de títulos causa onda de reivindicações por todo o país»globoesporte.com. Consultado em 28 de agosto de 2023
    16.  «Torneio dos Campeões da CBD – 1969 – Acervo Histórico do Santos FC». 22 de junho de 2014. Consultado em 2 de agosto de 2023



    Postar um comentário

    0 Comentários

    Postagem em destaque