⊗ Spyke (Evan Daniels) - (X-Men Evolution) ⊗

LINKS:NERDNERDMCU





Spyke (Evan Daniels) é um personagem fictício de histórias em quadrinhos publicadas pela Marvel Comics, normalmente associado aos X-Men da série animada X-Men: Evolution. Criado pelo roteirista Robert N. Skir e artista Steven E. Gordon, sua primeira aparição foi no episódio 5, "Speed And Spyke" (9 de dezembro de 2000), com a voz original por Neil Denis.

Spyke é um aluno do primeiro ano do ensino médio, com a habilidade mutante de projetar espinhos de seu corpo.

O personagem foi criado originalmente como uma forma de diversificar o elenco da série. Era importante para os criadores, para a WB Television Network (que exibia a série) e para a Marvel Comics ter um personagem afro-americano. De acordo com o o produtor Boyd Kirkland, transformar o Bishop (o primeiro homem X-Man negro) em um adolescente não teria funcionado.[1] Inicialmente, a intenção era que Spyke fosse o músculo do grupo e se parecesse mais com a aparência que ele tem na quarta temporada, mas a Marvel não gostou do aspecto de "monstro" e o deixou com uma aparência mais normal. Originalmente, ele se chamaria Armadillo (tatu, em inglês) e teria tranças.[2] Ele tem poderes semelhantes aos de Medula, um personagem já existente dos quadrinhos, mas Kirkland alega que não foi intencional.[3]


Mais sobre os X-Men


Mais sobre Nerd


Mais ainda sobre NERD



Spyke
Criado(a) porRobert N. Skir
Steven E. Gordon
Descrição ficcional
Codinomes conhecidosPorco-espinho
Outro(s) nome(s)Evan Daniels
Terra NatalNova IorqueNY
EspécieHumano Mutante
OcupaçãoEstudante
AfiliaçõesX-Men
Morlocks
Estado atualAtivo
Aparições
Primeira apariçãoX-Men: Evolution episódio #5 Speed and Spyke
Editora(s)Marvel Comics



Biografia

Evan Daniels nasceu em Nova York, filho de um pai sem nome declarado e Vivian Daniels. Suas habilidades mutantes são notadas pela primeira vez no jogo de basquete da escola por sua tia Ororo (também conhecida como Tempestade, membro dos X-Men) e seu companheiro de equipe Pietro. Na noite seguinte, Tempestade, junto com Ciclope e Jean Grey, abordam os pais de Evan sobre seus poderes mutantes e sobre sua escola Xavier. Evan, com raiva, recusa em seu próprio nome e sai.

Ele vai para a escola para pegar o ladrão que continua invadindo seu armário. É revelado que Pietro não é apenas o ladrão, mas um mutante com poderes de super velocidade. Pietro, que passar usar o codinome Mercúrio, invade todos os armários da escola e deixa Evan se aquecer enquanto ele escapa da acusação. Somente quando Charles Xavier usa sua força para ajudar Evan a sair da prisão é que ele se junta aos X-Men e à escola sob o codinome Spyke. Spyke estabelece o placar com Mercúrio quando ele, Ciclope e Jean derrotam o veloz mutante. Spyke é liberado de todas as acusações quando ele pega a confissão arrogante de Mercúrio em fita.

Durante seu tempo com os X-Men, Spyke não quis nenhum tratamento especial de ninguém na escola, porque ele era sobrinho da Tempestade. Embora ele gostasse de ser um X-Man e pensasse neles como sua família, Spyke às vezes agia egoisticamente e sem consideração pelos outros. Spyke brincava na sala de aula e em pelo menos uma ocasião abandonou a classe média para ir andar de skate com seus amigos humanos. Ele também estava atrasado para vários exercícios de treinamento na Sala de Perigo, resultando em ele ser repreendido por Tempestade e causar vários X-Kids a falhar em seu exercício de treinamento porque Spyke não estava lá para apoiá-los. Se não fosse por ele salvar a vida de Tempestade no Hungan, Spyke teria sido enviado para casa por seus pais devido à sua falta de preocupação com a escola e o treinamento em DR.

Depois que ele e os outros X-Men foram descobertos como mutantes, Spyke ficou com raiva de como eles estavam sendo tratados. Depois de beber o Pow-R8 (Power 08), uma bebida energética tóxica para os mutantes que chegam a entrar em contato com ele, Spyke descobriu que não podia se retrair ou controlar totalmente seus espinhos. Depois de ver o quão cruelmente ele foi tratado por causa de sua condição, Spyke se juntou aos Morlocks (um grupo de mutantes que não podiam "passar" por humanos e, portanto, eram expulsos) porque ele queria lutar por mutantes que pareciam diferentes dos humanos normais. Tempestade não aceitou bem e tentou convencer Spyke a voltar, mas ele recusou.

Quando Evan voltou no final da série, ele havia sofrido uma mutação ainda maior, e agora a maior parte do corpo estava coberta por placas ósseas do tipo tatu, exceto pelo rosto e abaixo da cintura, e com a nova capacidade de aquecer os espigões ósseos (pirocinese óssea). Durante esse tempo, Spyke começou a usar seus poderes para lutar contra seres humanos que tentavam cometer crimes de ódio contra os Morlocks e mutantes em geral. Essas ações eventualmente o levaram a ser alvo de um grupo de fanáticos anti-mutantes, liderados por Duncan Matthews. Atacado com armas elétricas de mineração, Spyke foi encurralado, mas os Morlocks e os X-Men entraram e derrotaram Duncan e seus cúmplices, que foram presos pela polícia logo após o término da batalha. Quando Tempestade tentou convencê-lo mais uma vez a retornar ao instituto, Spyke disse que os Morlocks precisavam mais dele e optou por permanecer com eles.

Mais tarde, ele ajudou a destruir as pirâmides surgidas pelo Apocalipse. Spyke é visto pela última vez em uma foto de grupo com os futuros X-Men, os Novos Mutantes e seus aliados não afiliados. Nesta foto, ele está usando a metade inferior de sua roupa de X-Men, o que pode significar que ele finalmente retornou aos X-Men.


Poderes e habilidades

Spyke pode estender ou retrair espinhos de osso que crescem em seu corpo. Ele é capaz de atirá-los ou de removê-los e segurá-los. Além disso, ele precisa beber leite para repor o cálcio perdido ao usar seus poderes. Spyke, um skatista habilidoso, integrou suas habilidades com o skate às batalhas. Seu corpo também fecha as feridas causadas por projetar os ossos, sem deixar nenhuma cicatriz visível.

Outras versões

A Terra-616 apresentou um personagem vagamente baseado em Evan Daniels. David Evan Munroe Jr. nasceu em Nova Jersey, filho de um pai desconhecido e Vivian Munroe (tia de Tempestade). Vivian nomeou seu filho David, em homenagem ao pai de Ororo, que havia morrido cedo demais. Infelizmente, mais tarde ela se tornou viciada em drogas e acabou morrendo de HIV, deixando o jovem David sob os cuidados de seus avós amorosos. Mais tarde, David conheceu sua prima Tempestade, quando ela estava pesquisando sua árvore genealógica.[4] David Munroe Jr. e sua família mais tarde compareceram ao casamento de Tempestade e Pantera Negra em Wakanda.[5]

Referências

  1.  "Milk: It Does a Body Good", http://www.toonzone.net/, posted October 20, 2000, accessed October 26, 2006.
  2.  "[1]
  3.  "X-MEN: EVOLUTION'S SPYKE VS. MARROW?", http://www.comicscontinuum.com/, posted December 2, 2000, accessed September 23, 2006.
  4.  Black Panther Vol. 4 #16. Marvel Comics.
  5.  Black Panther Vol. 4 #18. Marvel Comics.

Ligações externas




10 COISAS QUE VOCÊ TALVEZ NÃO SAIBA SOBRE O SPYKE!




Imagem de capa do item

Sua origem!

Evan Daniels nasceu em Nova York e é filho de Vivian Daniels, irmã de Ororo Munroe, a Tempestade.

Seus poderes se manifestaram durante uma partida de basquete na escola, quando sua tia visitava sua família.

Apesar de estar em um local público, Evan conseguiu controlar seus poderes e apenas sua tia e Pietro Maximoff, que também estava jogando, perceberam sua habilidade.

Imagem de capa do item

Escola para mutantes!

Depois de descobrir que seu sobrinho era um mutante, Ororo tentou recrutá-lo para o Instituto Xavier, mas Evan recusou.

Tempestade chamou Ciclope e Jean Grey para convencer os pais de Evan a inscrevê-lo no programa para mutantes, mas o jovem ficou extremamente irritado, já que não queria ser visto como uma aberração.

Imagem de capa do item

Prisão!

Depois de sair de casa revoltado, Evan descobre que Pietro também é um mutante.

O jovem Maximoff diz que sabe da condição de Evan e sugere que usem seus poderes para praticar crimes, já que são muito melhores que os humanos.

Evan não concorda com Pietro e o velocista acaba incriminando seu amigo, que vai parar atrás das grades!

Imagem de capa do item

Liberdade!

Charles Xavier utiliza sua influência e consegue tirar Evan da prisão.

Finalmente, ele aceita se unir aos X-Men e adota o alter-ego de Spyke.

Ao lado de Ciclope e Jean GreyEvan consegue capturar Mercúrio e prova sua inocência graças à uma fita em que Pietro confessa seu crime.

Imagem de capa do item

Mercúrio!

A rivalidade entre Evan e Pietro vem desde a época em que os dois frequentavam o colégio e tornou-se ainda maior quando ambos descobriram seus poderes.

Apesar de suas diferenças, Spyke e Mercúrio são semelhantes em muitos aspectos.

O sobrinho de Ororo por diversas vezes age de maneira egoísta e até mesmo coloca seus amigos em problemas em decorrência de suas atitudes.

Spyke tem dificuldades para trabalhar em equipe, mas sabe engolir seu orgulho quando vê seus amigos ou sua família em perigo.

Imagem de capa do item

Poderes e Habilidades!

Evan possui a habilidade de projetar espetos de ossos de seu corpo.

Esses espetos podem ser utilizado para proteger seu corpo ou mesmo usados como armas.

Ele também pode atirar os espetos a longa distâncias.

Evan também é um excelente skatista e incorpora os movimentos do esporte durante a luta.

Depois que seus poderes foram modificados, ele ganhou a habilidade de incandescer seus espetos, tornando-os ainda mais perigosos.

Imagem de capa do item

Morlocks!

Na mitologia de X-Men: Evolution existe uma bebida conhecida como Pow-R8.

Ela é um energético comum para os humanos, mas devido à sua composição é extremamente tóxica para os mutantes.

Evan acaba ingerindo a bebida e perde o controle sobre a projeção de seus espetos. Sendo assim, ele fica constantemente com seus ossos à mostra.

Furioso com o modo como passou a ser tratado, Evan foge da Mansão X e se une aos Morlocks, um grupo de mutantes que não consegue disfarçar seus atributos físicos e vive escondido nos esgotos da cidade.

Imagem de capa do item

Evolução!

Depois de se unir aos MorlocksEvan torna-se um grande aliado de Caliisto.

Seu corpo continua a passar por transformações e seus espetos se transformam em uma espécie de carapaça, sobre sua pele.

Tempestade tenta convencer seu sobrinho a voltar para a Mansão X, mas Evan diz que encontrou seu lugar ao lado dos Morlocks.

Imagem de capa do item

Retorno!

Apesar de se recusar a voltar para os X-MenEvan é visto lutando ao lado de Xavier e seus alunos no último episódio da série, quando os mutantes precisam enfrentar a ameaça de Apocalipse.

Ele também aparece em uma foto dos Novos Mutantes, sugerindo que, mesmo temporariamente, teria retornado para a equipe.

Imagem de capa do item

Live Action?

Em X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, quando Mística resgata um grupo de mutantes das mãos do Coronel Stryker, podemos ver um mutante com o visual muito semelhante ao de Evan.

A teoria de que essa seria a versão em live-action do personagem ainda é reforçada quando vemos o nome em seu uniforme: Daniels.

Apesar da semelhança física, o poder desse mutante é o de alterar o equilíbrio de seus inimigos, fazendo-os ficarem tontos ou até vomitarem.

Mesmo assim, pode ser que os produtores tenham achado melhor alterar os poderes do personagem na versão cinematográfica, já que Spyke jamais apareceu em outra mídia além da série animada.



Fonte: https://www.legiaodosherois.com.br/lista/10-coisas-que-voce-talvez-nao-saiba-sobre-o-spyke.html#list-item-10




5 motivos que podem fazer você parar de achar Spyke um chato


Se você cresceu assistindo X-Men Evolution é possível que tenha um imenso carinho pela animação. O desenho que passava nas tardes de almoço do Sbt criou uma legião de fãs que permanecem fiéis até hoje. Embora haja muitas coisas para se elogiar, também há bastante coisas passíveis de crítica. Uma delas era o personagem Spyke, que na época parecia (ou talvez ainda pareça para você) extremamente chato.


Se você não lembra quem é Spyke, este é o codinome de Evan Daniels, sobrinho de Ororo Munroe, a Tempestade. Criado exclusivamente para animação, pelo roteirista Robert N. Skir e o artista Steven E. Gordon, Spyke tem a habilidade mutante de projetar espinhos de seu corpo. Ele é rival de Pietro Maximoff, o Mercúrio. Além disso, tem uma personalidade forte e combativa, que está sempre em atrito com os outros X-Men. Sendo esse um dos motivos de muitos de nós na época pensarmos nele como um personagem ruim ou irritante. É justamente por isso que hoje trazemos essa lista, abaixo você lerá 5 motivos que podem fazer você deixar de achar Spyke um personagem chato, ou pelo menos mostrar que ele é melhor escrito do que aparenta.

⊗  1. A dificuldade a mais

Se você é fã dos X-Men você possivelmente já se imaginou sendo um mutante. A possibilidade de ter super poderes nos parece extremamente atrativa e agradável. Nos quadrinhos e nos desenhos no entanto, não é assim que as coisas funcionam. Nessas mídias, a tecnologia se desenvolveu a ponto de que projetos como os robôs sentinelas pudessem ser criados. Sendo assim, a possibilidade de exterminar pessoas pelo que elas são se tornou muito maior.

E aí temos Evan, apresentado para o público como algo diferente do que estávamos acostumados. Um garoto negro de Nova York, que nunca quis ser tratado de forma diferente, mas se depara com uma realidade duplamente dura. É algo que talvez nós não percebemos enquanto crianças, mas a compreensão da maturidade nos faça perceber. Não é uma coincidência que seja justamente Spyke a ser preso por roubo mesmo sendo inocente. Pietro manipula as coisas sabendo que ele seria acusado, o motivo está nas entrelinhas, mas ainda assim é claro. Por isso, a associação com um grupo de mutantes é algo que na cabeça dele traria ainda mais problemas do que ele já tinha, e talvez esse seja um motivo de tanta revolta no início da série. Nem sempre é possível agira da forma mais serena de todas, a chatice dele pelo menos não é descabida.


⊗  2. Não ter culpa da forma que foi convidado para o Instituto

Tempestade (visando o bem dele é claro), após descobrir que ele é um mutante, invade a privacidade dele, expõe para sua irma esse fato e ainda leva estranhos até a casa dele para recrutá-lo. Embora muitos de nós pensemos que o convite para o Instituto Xavier pareça um sonho, para Evan não é bem assim. Se sua tia aparece na sua casa, te tira do armário para sua mãe, e essa “fofoca” faz sua mãe te mandar para uma casa de estranhos fazendo você se sentir abandonado… Bom, no mínimo é para se ficar irritado.

Essa inclusive é a principal razão para que Evan não se encaixe. Ele se sente rejeitado pela própria mãe, não conhece o pai e isso causa uma sensação de revolta. Vale lembrar que ele também seria rejeitado pelo instituto, ele só recebe a permissão de ficar na mansão após salvar Tempestade do feiticeiro Hangen. Esse não pertencimento faz parte do desenvolvimento do personagem e isso fará completo sentido no final de tudo.

⊗  3. Ajudou a mostrar aos X-Men e ao público outra perspectiva

No episódio Medidas Extremas, Spyke entra em campeonato de skate patrocinado pelo energético “Pow-R 8”. No entanto, Pow-R 8 é um veneno para mutantes, e aqueles que consumirem, podem passar muito mal ou até mesmo morrer. Callisto, a líder dos Morlocks sabe disso, pois resíduos da bebida estão sendo despejados nos esgotos onde os Morlocks moram. Sabendo que Evan estará competindo e que provavelmente beberá o Pow-R8, Callisto tenta impedir que Spyke tome a bebida, mas esse sem entender, acaba bebendo mesmo assim. Isso faz com que os poderes de Evan se descontrolem ainda mais e suas placas de ossos crescem descontroladamente sem que ele possa retraí-las.

Esse episódio tem algo interessante, pois é a primeira vez que temos a aparição de mutantes que precisam sobreviver sem os recursos de pessoas mais abastadas. Isso pois os X-Men são regidos pelo Professor X e a Irmandade é comandada por Magneto e Mística. Os Morlocks no entanto, lutam uns pelos outros buscando o pão de cada dia vivendo em esgotos. Spyke é a ponte que mostra isso para os X-Men e para o público, nem sempre ser mutante é vantajoso. Assim, Evan finalmente encontra um local a qual se sente pertencente, a equipe dos Morlocks.


⊗  4. Desenvolvimento complexo

Pode não parecer, mas Spyke tem um dos melhores desenvolvimentos de toda a animação. Na primeira Temporada temos ele sendo acusado de roubo, sendo atormentado por Mercúrio e não querendo entrar para os X-Men. Posteriormente, quando Hank McCoy está perdendo o controle de seus poderes e se transformando no Fera, Evan é aquele quem impede que McCoy fira uma aluna da escola, e consegue rastrear o mutante fora de controle. Depois, é seu recitar de Shakespeare que acalma o professor para que Xavier entre na mente dele impedindo-o de ferir as pessoas. No episódio Tempestade africana, é Spyke quem descobre o sequestro de Ororo. Mas mais do que isso, após a derrota de Wolverine, cabe ao jovem mutante derrotar o feiticeiro Hangen, que capturou o espirito de Tempestade. É nesse episódio inclusive, que vemos que Evan mudou de ideia e agora gosta de ser um X-Men.




Após o desenvolvimento dele nos X-Men atingir o máximo possível, é no episódio Pow-R8 que o crescimento de Spyke enquanto personagem fica evidente. Isso porque embora o veneno tenha acelerado o processo de crescimento de placas de osso em seu corpo, isso já estava acontecendo antes mesmo dele tomar o Pow-R8. Assim, ele parte com os Morlocks e mais do que um membro da equipe, Evan se torna um líder.



A maturidade de Evan também se mostra em um momento em que ele está fazendo o papel de vigilante para proteger mutantes e o Professor X se preocupa com isso. No entanto, ao invés de mandar Ororo para conversar com o sobrinho, ele envia Logan, alguém com uma personalidade mais parecida. Os dois têm uma conversa bastante madura e honesta, mas Wolverine não consegue demover Evan da ideia de permanecer nas ruas lutando contra os anti mutantes.


⊗  5. A liderança nos Morlocks

Depois de todos os acontecimentos, Evan sai dos X-Men e passa bastante tempo sem aparecer e retorna na quarta temporada, no episódio “O Levante”. Nesse episódio, o mutante Sanguessuga (Dorian Leech) é apresentado e Spyke aparece completamente diferente. As placas de ossos que apenas cobriam seus braços e coluna, agora estavam cobrindo seu corpo inteiro. E a evolução em seus poderes não pararam por aí, o mutante agora podia também lançar estacas de osso flamejantes.

No entanto, não é apenas em suas habilidades mutantes que Evan ficou mais maduro. Ele virou uma figura de referência para mutantes menos poderosos e habilidosos. Quando uma multidão de humanos revoltados tentam linchar Sanguessuga em uma loja, é ele quem impede. Esse feito faz com que Dorian veja nele uma figura protetora, a ponto do próprio menino mutante depois sair para a rua para proteger Spyke. O mesmo acontece com Callisto e os outros Morlocks, os mutantes dos subterrâneos sobem a superfície para lutar ao lado de Evan quando as coisas apertam, porque sentem que não podem perder seu protetor. E se for para isso acontecer, que seja lutando ao lado dele, tanto que Callisto diz:


Se você nos protege, então nós vamos proteger você

Evan Daniels é um personagem mais complexo do que aparenta a princípio. Talvez ele não seja o mais marcante, ou aquele com o poder mais legal, no entanto, há alguma chance de que nós não tenhamos compreendido a proposta do personagem na época.

Afinal, essa lista mudou sua opinião? Ou continua achando ele um chato de galocha? Diga o que pensa nos comentários.

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

Conta Kids do Banco Inter vale a pena? Veja a análise completa