AVALIAÇÃO DE Manutenção, transferência e generalização das aprendizagens

 


Manutenção, transferência e generalização das aprendizagens

1.O que propõem as estratégias mnemônicas?

A. A aprendizagem de novas noções em contextos de aprendizagem significativos. Dessa forma, permitem desenvolver a capacidade global de memorização. (Correta)

Resposta incorreta. B. A transformação da aprendizagem significativa em aprendizagem generalista.

Comentário: A aprendizagem necessita ser significativa para o aluno, e não generalista, sem conexão com sua realidade. Por isso, recomenda-se o uso de estratégias mnemônicas.


Resposta incorreta. C. A aprendizagem padronizada por parte do estudante.


Comentário: A aprendizagem, quando padronizada, não reflete necessariamente a aquisição do conhecimento, mas somente uma repetição de padrões possivelmente impostos.

Resposta incorreta. D. O adestramento da mente estudantil visando à memorização para validação por meio de provas e exames.

Comentário: A memorização para provas e exames é reflexo de uma educação tradicional, não demonstrando valorização da aprendizagem significativa, relacionada com a realidade.

Resposta incorreta. E. A realização de exercícios e atividades com maior rapidez.

As atividades poderão ser realizadas com maior destreza quando relacionadas à realidade do aluno. O uso de estratégias mnemônicas permite o uso eficaz da memória, algo que a ação de decorar apenas por decorar não oferece como contribuição para a aprendizagem.



2. São diversas as definições de transferência, porém, todas concordam que:

Você acertou! A. Existe uma dificuldade para o aluno em generalizar sua aprendizagem para, consequentemente, utilizar tais conhecimentos e competências adquiridas em contexto diferenciado do que originou a aprendizagem.

Comentário: O aluno, em muitos casos, encontra dificuldade em estabelecer essas conexões entre sua aprendizagem e seus novos contextos de inserção e utilização destes.

Resposta incorreta. B. Existe dificuldade por parte do docente em transferir os conhecimentos para o aluno.

Comentário: Transferir conhecimentos sem que haja uma proposta de mediação pedagógica não caracteriza transferência da aprendizagem.

Resposta incorreta. C. Existe dificuldade por parte da escola em padronizar as ideias e os pensamentos dos alunos, unificando-os em um só ideal discente, como forma de facilitar a atividade do professor.

Comentário: A escola não deve padronizar o pensamento do aluno, pois tal ação pode ser considerada manipulação de ideias e conceitos, o que não caracteriza a transferência da aprendizagem.

Resposta incorreta. D. Existe dificuldade por parte do aluno em burlar o sistema estudantil e transferir suas responsabilidades para o docente, que, por sua vez, não aceita essa ação.

Comentário: O aluno não está na escola para burlar sistemas, mas para desenvolver suas competências e habilidades, transferindo suas aprendizagens do contexto de origem para outro, tornando-as significativas.

Resposta incorreta. E. Existe uma dificuldade por parte do professor em padronizar os processos escolares, visando unicamente à resposta aos padrões necessários na cultura escolar.

Comentário: O princípio da transferência é fundamentado na generalização das aprendizagens dos alunos para aplicabilidade em contexto diferenciado do original, estabelecendo uma relação entre estes, o que difere de uma padronização de processos escolares.



3. Para Tardif (1992), existe uma diferenciação entre transferência vertical e transferência horizontal. Aponte a alternativa correta.

Resposta incorreta. A. A transferência horizontal é a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem. A transferência vertical é o somatório de duas ou mais aprendizagens.

Comentário: A transferência horizontal é a utilização de um conhecimento em outro contexto ou situação, e não a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem. Isso vem a ser a transferência vertical.

Resposta incorreta. B. A transferência vertical é a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem. A horizontal é o somatório de duas ou mais aprendizagens.

Comentário: A transferência vertical é a utilização de um conhecimento anterior para efetivação de nova aprendizagem, porém, a transferência horizontal não é o somatório de duas ou mais aprendizagens, mas a utilização de um novo conhecimento em outro contexto ou situação.

Você acertou! C. A transferência vertical é a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem. A transferência horizontal é a utilização de um conhecimento em outro contexto ou situação.

Comentário: Considerando a verticalidade, a transferência de um conhecimento possibilita a ascensão a uma nova aprendizagem. Com relação à horizontalidade, a transferência de um conhecimento viabiliza sua utilização em outro contexto de mesmo patamar.

Resposta incorreta. D. A transferência horizontal é a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem. A vertical é a utilização de um conhecimento em outro contexto ou situação.

Comentário: Os sentidos de verticalidade e horizontalidade, no que se referem à transferência, estão invertidos nesta alternativa.

Resposta incorreta. E. Tanto a transferência vertical quanto a horizontal têm o mesmo significado para Tardif, sendo falsa a afirmação de que o autor defende a diferenciação.

Comentário: Para Tardif, existe a diferenciação entre transferência vertical e horizontal. A primeira é a utilização de um conhecimento anterior para efetivar uma nova aprendizagem, e a segunda é a utilização de um conhecimento em outro contexto ou situação.



4. O que permitem os estímulos superficiais à criança?

Você acertou! A. Permitem reconhecer o exercício e aplicar, ainda que por reflexo condicionado, o procedimento correto.

Comentário: O estímulo superficial é parte da aquisição do conhecimento por parte da criança como forma de transferência e generalização da aprendizagem.

Resposta incorreta. B. Não permitem reconhecer o exercício nem sua aplicabilidade correta.

Comentário: Os estímulos superficiais, na verdade, permitem à criança reconhecer o exercício e aplicar, ainda que por reflexo condicionado, o procedimento correto.

Resposta incorreta. C. Permitem a estruturação de padrões para processos estáticos somente.

Comentário: Os estímulos superficiais permitem à criança reconhecer o exercício e aplicar, ainda que por reflexo condicionado, o procedimento correto, porém, não pode ser considerado padrão para processo estático apenas, considerando que a aprendizagem é dinâmica.

Resposta incorreta. D. Os estímulos superficiais não exercem influência na criança.

Comentário: Os estímulos superficiais têm influência na criança, pois permitem reconhecer o exercício e aplicar, ainda que por reflexo condicionado, o procedimento correto.

Resposta incorreta. E. Os estímulos superficiais exercem influência na criança somente quando combinados com elementos alheios à escola.

Comentário: Os estímulos superficiais, na verdade, permitem à criança reconhecer o exercício e aplicar, ainda que por reflexo condicionado, o procedimento correto, independentemente de estar atrelado ou não a elementos alheios à escola.






5. O desafio para o professor é realizar um trabalho considerando quatro tempos. Qual a sequência CORRETA e quais são esses tempos?

Resposta incorreta. A. 1º, contextualização; 2º, generalização; 3º, descontextualização; 4º, recontextualização.

Comentário: A generalização é parte final deste ciclo de quatro tempos, pois ela ocorre quando existe a capacidade de utilizar as aprendizagens realizadas em qualquer situação.

Resposta incorreta. B. 1º, desafio; 2º, contextualização; 3º, recontextualização; 4º, generalização.

O desafio estará presente ao longo do processo de aprendizagem, pois é parte integrante deste na ação docente.

Resposta incorreta.C. 1º, contextualização; 2º, descontextualização; 3º, reflexão; 4º, generalização.

A reflexão estará presente ao longo do processo de aprendizagem.

Resposta incorreta. D. 1º, descontextualização; 2º, recontextualização; 3º, generalização; 4º, reflexão.

A reflexão estará presente ao longo do processo de aprendizagem.

Você acertou! E. 1º, contextualização; 2º, descontextualização; 3º, recontextualização; 4º, generalização.

Comentário: É necessário contextualizar o conhecimento para então proporcionar independência ao novo saber - a descontextualização. Em seguida haverá a recontextualização, ou seja, exercício fora do contexto inicial, em que, por fim, o aluno terá autonomia para o exercício desta aprendizagem em qualquer situação.












Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

FORÇA BRUTA NA MARVEL