SENASP - SUSP E O ENFRENTAMENTO DA DESIGUALDADE RACIAL NO BRASIL |“Dos argumentos que se apoiam no determinismo biológico para sustentar que as diferenças sociais e econômicas são herdadas e refletem a biologia, deve-se elencar algumas das fortes influências advindas deste mesmo determinismo biológico na operação do Poder Judiciário brasileiro e como se articulam as ações por ele articuladas. A concepção determinista é evidente utilidade de grupos detentores do poder, para preservação do status quo e estratificação social e neste caso, o Poder Judiciário se apropria institucionalmente da concepção”. (Alice Carvalho, Racismo Científico na Formação da Subjetividade Criminológica Brasileira, 2021).

 




QUESTÃO: “Dos argumentos que se apoiam no determinismo biológico para sustentar que as diferenças sociais e econômicas são herdadas e refletem a biologia, deve-se elencar algumas das fortes influências advindas deste mesmo determinismo biológico na operação do Poder Judiciário brasileiro e como se articulam as ações por ele articuladas. A concepção determinista é evidente utilidade de grupos detentores do poder, para preservação do status quo e estratificação social e neste caso, o Poder Judiciário se apropria institucionalmente da concepção”. (Alice Carvalho, Racismo Científico na Formação da Subjetividade Criminológica Brasileira, 2021).

De acordo com o texto, qual é a relação entre o determinismo biológico e o sistema judiciário brasileiro?

Escolha uma opção:

A. O SISTEMA JUDICIÁRIO BRASILEIRO ADOTOU AS TEORIAS DO DETERMINISMO BIOLÓGICO COMO BASE PARA SUAS PRÁTICAS, PERPETUANDO DESIGUALDADES.

B. O determinismo biológico foi completamente ignorado pelo sistema judiciário brasileiro.

C. O determinismo biológico não teve influência significativa no sistema judiciário, apenas nas políticas de educação.

D. O sistema judiciário brasileiro combateu ativamente as ideias do determinismo biológico.

E.O determinismo biológico influenciou apenas as políticas de saúde, não tendo impacto no sistema judiciário.

 


Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque