3. PM-MG - 2017 - PM-MG - 2º Tenente - Enfermagem Na oração: As janelas da guarita olham e vigiam todos que entram e saem do condomínio. Observa-se que uma característica humana é atribuída a um ser inanimado, personificando-o. A figura de linguagem presente, na oração, é:

 





3. PM-MG - 2017 - PM-MG - 2º Tenente - Enfermagem Na oração: As janelas da guarita olham e vigiam todos que entram e saem do condomínio. Observa-se que uma característica humana é atribuída a um ser inanimado, personificando-o. A figura de linguagem presente, na oração, é:

A) Prosopopeia. (a)

B) Anáfora.

C) Antítese.

D) Comparação.




A figura de linguagem presente na oração "As janelas da guarita olham e vigiam todos que entram e saem do condomínio" é a Prosopopeia (alternativa a).

Explicação:

  • A prosopopeia, também conhecida como personificação, atribui características humanas a seres inanimados, animais ou ideias.
  • No exemplo dado, as janelas da guarita são personificadas através dos verbos "olham" e "vigia", ações que são tipicamente humanas.
  • Essa personificação cria um efeito de vivacidade na descrição, tornando a frase mais expressiva e interessante.

Exemplos de prosopopeia:

  • A brisa sussurrava em meus ouvidos.
  • O vento uivava como um lobo solitário.
  • As estrelas piscavam como cúmplices da noite.

Recursos adicionais:

Observação:

As alternativas b), c) e d) não se aplicam à oração em questão:

  • Anáfora: Repetição de uma palavra ou expressão no início de versos ou frases.
  • Antítese: Contraste entre dois elementos.
  • Comparação: Comparação entre dois elementos através de conectivos como "como" ou "semelhante a".

A prosopopeia, também conhecida como personificação, é uma figura de linguagem que consiste em atribuir características humanas a seres inanimados, animais ou ideias. Essa atribuição pode se dar através de ações, pensamentos, sentimentos ou qualidades.

Exemplos:

  • A brisa sussurrava em meus ouvidos. (Ação humana atribuída à brisa)
  • O vento uivava como um lobo solitário. (Comparação a um animal com características humanas)
  • A noite me abraçou com seu manto negro. (Ação humana atribuída à noite)
  • O tempo é um tirano implacável. (Qualidade humana atribuída ao tempo)

Objetivo da prosopopeia:

  • Criar expressividade: A prosopopeia torna a linguagem mais rica e vívida, criando imagens mais fortes na mente do leitor.
  • Humanizar elementos: Ao dar características humanas a elementos não humanos, a prosopopeia permite que o leitor se identifique mais facilmente com eles e compreenda melhor seus sentimentos ou ações.
  • Criar efeitos: A prosopopeia pode ser utilizada para criar humor, suspense, ironia ou outros efeitos desejados pelo autor.

Exemplos em diferentes tipos de texto:

  • Literatura:
    • "As estrelas piscavam como cúmplices da noite." (Machado de Assis)
    • "O mar rugia furioso, batendo com força contra as rochas." (José de Alencar)
  • Música:
    • "A canção da chuva me embalava para dormir." (Milton Nascimento)
    • "O vento canta uma canção triste pelas ruas desertas." (Djavan)
  • Publicidade:
    • "Seu carro pede socorro! Faça a revisão." (Anúncio de oficina mecânica)
    • "A água é vida. Beba mais água." (Campanha de conscientização)

Observações:

  • A prosopopeia é uma figura de linguagem muito comum e pode ser utilizada em qualquer tipo de texto.
  • É importante distinguir a prosopopeia da metáfora. Na metáfora, há uma comparação implícita entre dois elementos, enquanto na prosopopeia há uma atribuição direta de características.

Recursos adicionais:

  • Prosopopeia: [URL inválido removido]
  • Figuras de linguagem: [URL inválido removido]

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

SÉRIE MINERAÇÃO | Britadores de Impacto: Princípio de Funcionamento e Aplicações